Sammy Hagar, ex-vocalista do Van Halen, declarou em uma nova entrevista para a estação de rádio americana KKLZ 96.3 que não tem “nenhum problema” com o vocalista original da banda, David Lee Roth.

O cantor de 74 anos, que acabou de iniciar sua residência em Las Vegas, discutiu seu relacionamento com Roth afirmando que nem sequer há uma rixa entre eles.

“Para ser honesto, não tenho problema algum com Dave. Não sei o que ele pensa disso. Mas o vejo apenas como um cara competitivo e acho que ele precisa levantar a bandeira de ‘Eu sou Van Halen’”, comentou.

Hagar acrescentou uma crítica: “Veja bem, eu tinha uma carreira solo antes do Van Halen. Eu estava no Montrose antes do Van Halen e depois estive no Chickenfoot. Dave tem o Van Halen, então acho que ele tem que se apegar a esse tipo de coisa. Mas eu não me importo com isso. Se alguém me diz: ‘Oh, eu nunca soube que você foi do Van Halen”. Eu não estou nem aí”.

Hagar substituiu Roth no Van Halen em 1985 e gravou quatro álbuns de estúdio com a banda 5150, OU812, For Unlawful Carnal Knowledge e Balance.  Todos esses trabalhos chegaram ao topo das paradas americanas e representaram a fase mais popular da banda.

 

 

 

Fonte: A Rádio Rock