Já pensou ser suspenso da escola por usar a camiseta de uma banda que você não conhece de fato? Essa escola americana tirou um sarro usando o Nirvana como exemplo.

Tudo é uma piada, claro, mas a Yeshiva Har Torah, uma instituição educacional primária e bem moderninha no Queens, em Nova York, foi ao Twitter contar sobre o “caso”. Em uma longa declaração, eles descreveram a suspensão de um aluno que não soube falar nomes de músicas da banda de Kurt Cobain.

Leia:

Atualização do código de vestimenta da escola: os alunos não podem usar roupas com o nome de qualquer músico ou banda, a menos que o aluno possa citar pelo menos três de suas canções. Nosso aluno da 8ª série que disse, ‘Eu pensei que o Nirvana fosse uma marca de roupas’ na semana passada, foi suspenso indefinidamente.

Há! E o “anúncio” continua:

Reconhecemos que este incidente incomodou alguns membros da comunidade Gen X. Estaremos nos reunindo para discutir juntos. Todos são bem-vindos a trazer uma camisa de flanela, [uma bota] Dr. Martens, um Discman amarelo com no mínimo 30 segundos de proteção contra pulos e um comportamento totalmente severo.

Se você não sabe o que é um Discman ou a importância da proteção contra pulos… parabéns por ser jovem demais!

Escola americana versus “fã” do Nirvana

 

 

Fonte: TMDQA!